500 - Os Bebês Roubados Pela Ditadura Argentina



Produção: Diego Paiva, Isabel Graça

Roteiro: Alexandre Valenti

Edição: Sérgio Marini

Som Direto: Tales Manfrinato

Trilha Sonora Original: Stéphane Peyrot

Empresa(s) produtora(s): MPC Filmes

Pesquisa: Jean Robert, Ricardo Favilla

Montagem: Jorge Mota

Locução: Lucélia Santos

Produção de Finalização: Bruno Keusen, Juca Dí­az

Produtor Executivo: Luciana Boal, Marinho Alberto Graça

Entre 1976 e 1983, a Argentina viveu sombrios anos de ditadura militar. Neste período, famílias inteiras foram despedaçadas pela repressão empreendida por um estado terrorista que ceifou a vida de cerca de 30 mil argentinos. Dentre as práticas mais aterradoras deste regime estava o sequestro sistemático de mais de 500 bebês, filhos de presos e desaparecidos políticos.
Escolha do Público no FIPA - Festival International de Programmes Audiovisuels em 2013
Melhor Reportagem no FIPA - Festival International de Programmes Audiovisuels em 2013
Envie o seu comentário
Faça login ou se cadastre para comentar a obra.
Carregar mais comentários
Envie o seu comentário
Após aprovação, seu comentário será publicado e enviado para o diretor do filme. | Normas para publicação

Aplicabilidades Pedagógicas



Etapa/Nível de Ensino: Ensino Médio

Área de Ensino: Ciências da Natureza, Ciências Humanas

Componente Curricular/Disciplina: Biologia, História


Planos de Aula (1)

Relatos de Professores



Utilizou este filme em suas aulas?
Relate sua experiência!

Relatos de Professores (0)

Testes de Conhecimentos


500 - Os Bebês Roubados Pela Ditadura Argentina - Questionário

Crie o seu próprio Teste!
Criar Teste

105 min
2014
Argentina
12 ANOS

Diretor: Alexandre Valenti

Elenco: Alejandro Pedro Sandoval FontanaChela D. De FontanaEstela B. De CarlottoMaria Isabel Chorobik de Mariani (Chicha)Miriam LewinRosa T. De RoisinblitSônia TorresVictoria Montenegro

Sinopse: Entre 1976 e 1983, a Argentina viveu sombrios anos de ditadura militar. Neste período, famílias inteiras foram despedaçadas pela repressão empreendida por um estado terrorista que ceifou a vida de cerca de 30 mil argentinos. Dentre as práticas mais aterradoras deste regime estava o sequestro sistemático de mais de 500 bebês, filhos de presos e desaparecidos políticos.

Alugue